O primeiro jornal fast-news do Nordeste
JUAZEIRO DO NORTE - CE
JUANORTE
O Think Tank da Metrópole do Cariri

Capa    06/08/2017  Edição 431


Monumento ao Padre Cícero é maior
símbolo do Ceará aos olhos do mundo



Como as estátuas da Liberdade, em Nova Iorque, e do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, as duas maiores do mundo, marcas representativas de suas respectivas cidades e países, a do Padre Cícero é o maior símbolo de Juazeiro do Norte, metrópole do Vale do Cariri, e do próprio Ceará. Um símbolo que tem superado, em publicidade e alcance, o velho e tradicional jangadeiro enfrentando os verdes mares bravios da costa alencarina. Festivamente inaugurada em 1º de novembro de 1969, é a imagem do Ceará que corre o mundo, sendo conhecida e reconhecida em mais de 150 países, graças ao alcance internacional da televisão brasileira e, hoje mais ainda, à difusão sem fronteiras pela Internet. Falou Juazeiro, falou Ceará, aparece a estátua do Padre Cícero. Considerada a terceira maior obra em concreto do planeta e a maior reproduzindo uma figura humana, com 25 metros de altura, foi construída por iniciativa do então prefeito Mauro Sampaio. Projeto é do escultor e artista plástico pernambucano Armando Lacerda. Cálculos e fundações de responsabilidade do engenheiro Rômulo Montenegro. Erguida na Colina do Horto, 500 metros de altitude, de onde se tem uma completa vista panorâmica do Juazeiro e parcial do Vale do Cariri, a Estátua do Padre Cícero está ao lado de centenário casarão onde o carismático sacerdote, santo para os nordestinos, fazia seus retiros espirituais e que hoje, além de antiga e conservada capela, abriga o Museu Vivo Padre Cícero, o mais visitado do Nordeste. Desde que foi inaugurada, a estátua do Padre Cícero é ponto obrigatório de afluência dos 2,5 milhões de romeiros e turistas que Juazeiro do Norte recebe todos os anos. Visitar Juazeiro e não ir até o monumento dedicado ao Patriarca do Nordeste, apenas cinco quilômetros do centro da cidade, é a mesma coisa que ir a Roma e não ver o Papa. São números da gigantesca imagem pintada de branco: cabeça, 2,70 m; olhos, 56cm; nariz, 70cm; boca, 70cm, orelhas, 80cm; ombro, 5,40m;bastão, 10m; diâmetro, 7m; área do pedestal, 100m2; e peso, 357 toneladas. Diante dela se aglomeram ao longo de todos os anos, com fé, devoção, reverência e admiração, milhões de brasileiros, principalmente do Norte e Nordeste. Por sua forte simbologia, representando o mais perseguido e mais reverenciado sacerdote da Igreja Católica no Brasil, festejado santo pelo povo nordestino, e por sua grandiosidade escultural dominando a paisagem de uma colina que é verdadeiro mirante para todo o verdejante Vale do Cariri, a estátua do Padre Cícero, semelhantemente às da Liberdade e do Cristo Redentor, tem sido cenário escolhido para animar produções televisivas e cinematográficas. É a principal atração turística de Juazeiro do Norte, transformado de pequeno e pobre arraial em 1872 na segunda maior cidade do Ceará, hoje com cerca de 300 mil habitantes, principal centro comercial, industrial e cultural do Nordeste central brasileiro e no maior centro do catolicismo popular na América Latina. Um verdadeiro milagre.